Você está treinando, buscando ganhar massa muscular (hipertrofia) e os resultados não aparecem ou vem de uma forma muito discreta? Então é preciso buscar onde estão os erros. No treinamento para hipertrofia devemos pensar em uma série de fatores, e não somente em anilhas ou halteres.

Séries, repetições, amplitude de movimento, forma de execução, tipos de contração, métodos de treinamento e intervalo de descanso são alguns dos itens que envolvem o treinamento para ganho de massa muscular.

A partir deste post, que chamaremos de o “primeiro passo para o ganho de massa muscular”, forneceremos duas informações por texto, para que você aplique o quanto antes no seu treinamento.

 

Passo 1: Tempo de descanso entre uma sessão de treino e outra para os mesmos grupos musculares.

Quando treinamos estamos em um processo de destruição (catabolismo) e a nossa construção muscular vem do repouso (anabolismo). Por isso, não é recomendado repetir os grupos musculares treinados no dia anterior ( exemplo: se treinou supino reto (exercício multiarticular que tem como motor primário o peitoral maior e trabalha também deltoide anterior e tríceps), você precisará descansar esses grupamentos no outro dia de seu treinamento. A falta de descanso entre os dias de treino irá prejudicar seu processo de “reconstrução” dos músculos. Por isso devemos respeitar o descanso muscular que pode variar entre 48 até 96 horas, dependendo do estímulo que foi dado durante o treino.

850_400_crossfit-tempo-de-descanso

Um dos conceitos errados e que atrapalham muito o ganho de massa muscular é achar que “quanto mais melhor”, e ao longo dos nossos textos vocês verão que essa afirmativa está muito errada.

 

Passo 2: Intervalo entre as séries.

Se o seu Intervalo entre uma série e outra é baseado no andamento da conversa do Whatsapp ou com seu amigo da academia, está na hora de repensar sobre isso. Sendo o intervalo mais longo ou mais curto pode influenciar no seu rendimento durante os treinos e até na característica do seu treino.

O tempo de intervalo não tem certo ou errado, mas sim qual o mais indicado de acordo com o seu treino. Em um treino com objetivo tensional (mais carga, menos repetições), os intervalos devem ser de 1 min a 1 min e 30 seg, ou seja, descansos mais longos. Já no treino com objetivo metabólico ( menos carga, mais repetições até a fadiga) é respeitado intervalos mais curtos, de 20 seg até 40 segundos.

tempo-descanso-entre-series-musculacao

Uma boa estratégia é usar o CRONÔMETRO! Assim irá diminuir sua margem de erro no que se diz respeito ao tempo intervalo entre as séries.

Aplique essas dicas! Em breve teremos a continuação dos passos para hipertrofia e ao final você terá todas as 10 dicas, formando uma “cartilha” que, com certeza, modificará o seu treino. Assim, você colherá bons frutos, ou melhor, colherá alguns centímetros a mais de braços, pernas, toráx e etc…

 

http://conexaosaude.blog.br/wp-content/uploads/2016/03/lean-muscle-1-1024x567.jpghttp://conexaosaude.blog.br/wp-content/uploads/2016/03/lean-muscle-1-150x150.jpgadminExercício FísicoMusculaçãodescanso dos musculos,descanso entre uma sessão,intervalo de treino,tempo descanso
Você está treinando, buscando ganhar massa muscular (hipertrofia) e os resultados não aparecem ou vem de uma forma muito discreta? Então é preciso buscar onde estão os erros. No treinamento para hipertrofia devemos pensar em uma série de fatores, e não somente em anilhas ou halteres. Séries, repetições, amplitude de...